Pit bull explorada para reprodução foi deixada em gaiola depois que seus tutores decidiram que não serviria mais - NewPangea

Animais

Pit bull explorada para reprodução foi deixada em gaiola depois que seus tutores decidiram que não serviria mais

Birdie estava coberta em feridas doloridas como esta em sua cauda.

Pit bull explorada para reprodução foi deixada em gaiola depois que seus tutores decidiram que não serviria mais

Facebook

Uma Pit Bull chamada Birdie, que foi encontrada em uma gaiola de pássaro do lado de fora da organização Animal Aide, em Oakland Park.

A Saving Sage Animal Rescue Foundation pegou Birdie, e logo ficou óbvio que ela era maltratada. Era evidente que ela tinha reproduzido numerosas vezes e tinha um caso grave de sarna que parecia não ter sido tratada havia algum tempo. A pele da pobre Birdie estava tão delicada quando eles a encontraram que o menor toque fazia suas feridas sangrarem.

A pobre Birdie mal conseguia ficar de pé nessa gaiola sombria. A Saving Sage Animal Rescue Foundation. Apesar de ser talvez compreensível que uma pessoa não possa mais cuidar de seu animal de companhia, quem em sã consciência colocaria uma cachorra doce como esta em uma gaiola de pássaros e deixaria lá?

Imagem

Birdie estava coberta em feridas doloridas como esta em sua cauda. Suas pobres patas estavam rachadas e com aspecto de pedra, com sangramento entre as rachaduras da sua pele. E outro sinal de sua negligência óbvia, Birdie estava só pele e osso.

Você consegue imaginar todos os filhotes que Birdie teve que alimentar enquanto estava tão magra e cansada assim?

Imagem

Imagem

Depois de um pouco de amor e atenção, Birdie agora está a caminho da sua recuperação. Ela ainda está magra por causa da desnutrição e da doença, mas está indo muito bem. Ela tem um temperamento ótimo com pessoas e outros cães, então logo encontrará seu novo lar.

A história de Birdie é somente uma das centenas que ouvimos sobre cães mantidos puramente para terem filhotes para que seus donos lucrem. Cães reprodutores costumam ser mantidos em condições terríveis e apertados, mal recebem alimentos o suficiente para sobreviverem e só saem do seu confinamento quando querem que eles cruzem.

Cães criados dentro das indústrias de filhotes são tratados de forma horrível, mantidos em jaulas minúsculas em ambientes similares aos de fábricas e recebem quase nada de liberdade para fazerem qualquer uma dessas coisas que nossos amados animais de companhia fazem.  Organizações como a Saving Animal Rescue Foundation têm um trabalho difícil para salvar todas as Birdies do mundo. 

Filhotes são adoráveis, sabemos disso, mas histórias como a de Birdie evidenciam a importância de se saber de onde eles vêm. Lembre-se, adote, não compre!

Com informações Olhar Animal e Adaptação NewPangea

Gostou dessa publicação? Curta nossa página no Facebook

Facebook